Motos para Trilha

Saiba tudo sobre motos para trilhas à venda.

+ Motos para Trilha

Motos para Trilha à Venda

A combinação de velocidade, adrenalina e natureza pode sintetizar um pouco o que sentem os amantes das trilhas de moto, prática esportiva realizada em terrenos acidentados e estradas de tráfego normal, sem o intuito da competição, mas apenas pelo prazer de testar os próprios limites e os da máquina.

As motos para trilha são veículos diferentes daqueles usados para a rodagem em cidades e trechos sem obstáculos naturais. Com motor, suspensão e câmbio adaptados para suportar as adversidades do terreno, elas estão sempre sujeitas a tombos, arranhões, muita lama, pedrisco, areia e intempéries. Para suportar todos esses problemas, o veículo deve ser mais resistente e precisa passar por revisões frequentes.

As motos para trilhas usadas costumam ser mais baratas do que as zero quilômetro justamente por isso: já sofreram bastante rodando por estradas de todo o país, sob sol e chuva, tendo muita história para contar junto de seu dono.

Os trilheiros dificilmente saem sozinhos, já que os acidentes são bastante comuns e até esperados neste tipo de esporte e, com a companhia de alguém experiente, é muito mais fácil sair de enrascadas como atolagens, derrapagens, tombos e outros acidentes de percurso que podem acontecer em uma trilha. Confira no vídeo uma turma de trilheiros durante a sua “expedição”:

Para ingressar na prática desta modalidade esportiva não basta apenas comprar moto de trilha e sair por aí. É preciso adquirir equipamento de segurança, como capacete com viseira, luvas, botas, protetores de peito e pescoço, joelheiras e cotoveleiras, dentre outros. Também é preciso ser maior de 18 anos, possuir carteira nacional de habilitação (CNH) na categoria A e a compreensão de que mesmo lidando com adrenalina, a trilha de motos é um esporte que requer responsabilidade e companheirismo. Não se trata de uma disputa para ver quem chega primeiro, mas sim um passeio no qual se aprecia a paisagem e se descobre como passar por obstáculos com a moto.

Também é importante que o trilheiro respeite limites. Se há uma porteira ou uma propriedade privada pelo caminho, nada de ultrapassá-la sem a permissão do proprietário. Além disso, é imprescindível levar um mapa da região e fazer trilhas conhecidas. Levar GPS e celular ajuda a ser localizado, evitando o risco de ficar incomunicável em caso de se perder.

Também se recomenda aos trilheiros - em especial aos novatos – a troca de ideias com os pilotos mais experientes. Além de descobrir quais as melhores trilhas e quais as datas de enduros e passeios organizados por grupos e associações, ainda é possível trocar dicas e experiências sobre a melhor forma de pilotar, descobrindo, dessa forma, como manter o equilíbrio e utilizar a potência máxima de seu veículo sem sobrecarregá-lo.

Por incrível que pareça, há técnicas específicas para fazer curvas abertas e fechadas e até mesmo para frear a moto sem danificar o veículo e mantendo o equilíbrio, evitando quedas e acidentes.

Pilotar no barro, na lama e na pedra também exige bastante da moto e é preciso aprender a lidar com essas situações, freando ou acelerando sempre que necessário. Usar uma moto em terreno plano e urbano é totalmente diferente de ter que utilizá-la em ambientes acidentados. Além disso, chuva e sol também podem atrapalhar a visão do trilheiro e devem ser considerados na hora de sair de casa.

Praticar trilhas de motos é um esporte que exige bastante habilidade, força e raciocínio rápido do piloto. É bastante cansativo, mas recompensador. Sugere-se sempre que o trilheiro pratique exercícios com frequência para melhorar seu condicionamento físico, já que deve dispor do peso do seu corpo sobre as pernas em diversas etapas do circuito a ser percorrido, podendo ficar extremamente cansado e até mesmo com cãibras durante e depois do passeio. A desidratação também é um problema sério que pode comprometer a saúde do trilheiro.

Há diversas empresas, concessionárias e até mesmo lojas online que colocam motos de trilha à venda, com preços variados e potências também distintas. Outra opção para quem quiser adquirir o veículo sem desembolsar muito dinheiro é procurar por motos para trilha de leilão. Os veículos leiloados costumam sair por preços até 40% menor do que o valor de mercado e são totalmente regularizados. As motos leiloadas geralmente foram apreendidas em blitzes policiais por estarem com multas e licenciamento atrasados ou irregulares, são sinistradas por seguradoras, são usadas para cobrir dívidas de seus proprietários ou são leiloadas para renovação de frota de empresas. Antes de adquirir o veículo desta forma é preciso se inscrever para participar do leilão e, se possível, avaliar a moto na parte externa e também elétrica e mecânica para garantir que estará adquirindo um bem em perfeitas condições de rodagem.

NOVIDADES

Cadastre-se para receber nossas dicas e notícias



Links Úteis

Tabela de Motos da Fipe

Antes de comprar, financiar sua moto consulte o valor de mercado através da tabela fipe.

As informações aqui contidas são de utilidade pública, não possuímos vínculos com nenhuma das empresas citadas e não nos responsabilizamos por alterações nas condições dos serviços citados.